Mulher tem bolsa furtada em restaurante de SP; veja imagens

  • Por Jovem Pan
  • 10/04/2018 18h32
Reprodução Imagens da câmera de segurança do estabelecimento mostraram o momento exato do furto

Na noite da última segunda-feira (9), por volta das 21h30, uma cliente passou por um infeliz episódio em uma das unidades do restaurante Le Jazz. Imagens das câmeras de segurança registraram a ação: enquanto jantava, ela teve a bolsa furtada por uma mulher que mexia no celular e fingia aguardar uma mesa no local. Em entrevista exclusiva para a Jovem Pan, Chico Ferreira, sócio do estabelecimento, lamentou o ocorrido e afirmou que esta é uma situação que se tornou corriqueira em restaurantes da cidade.

“Infelizmente, existe uma quadrilha especializada, treinada, que faz isso de forma muito sorrateira, muito eficiente. Eles se aproveitam dos cliente estarem em um ambiente descontraído, comendo, bebendo, para tomar posse de bens. Por isso que a gente sempre enfatiza e instrui os clientes a tomarem o máximo de cuidado com carteiras, bolsas. Essa é a realidade que a gente vive hoje”, afirmou Chico.

“Da nossa parte, a gente fica muito chateado com isso, mas é uma situação muito delicada. O restaurante é um espaço público, onde todos têm direito de entrar. Muitas vezes, essas quadrilhas chegam, botam o nome na espera e se aproveitam do restaurante cheio para ficar ali dentro, e qualquer tentativa de colocar essas pessoas para fora é complicada. É muito fácil ser enquadrado como alguma forma de preconceito ou discriminação. As pessoas têm o direito de entrar e é muito difícil para a nossa equipe, que está sempre preocupada em atender e servir, conseguir olhar pelos bens de todas as pessoas”, acrescentou ele.

Por fim, Chico afirmou que o restaurante está dando todo o suporte possível para a vítima, que fez um boletim de ocorrência, e já disponibilizou as imagens das câmeras de segurança para a polícia: “Infelizmente, este não é o tipo de caso que se resolve com mais segurança. Muitas vezes, os ladrões se passam por clientes, pedem mesa, ficam no bar. Então, é muito mais difícil de localizar. Claro que a gente vai ficar de olho, vai reforçar o treinamento e instruir os nosso clientes a ficar de olho nas coisas. Fico triste de falar isso, porque eu queria que as pessoas ficassem à vontade, sem ter que se preocupar com isso”.

Veja as imagens das câmeras de segurança que registraram o furto: