Nelson Barbosa será primeiro a ser ouvido pela Comissão do Impeachment

  • Por Estadão Conteúdo
  • 17/06/2016 11h30
Brasília - O ministro da Fazenda, Nelson Barbosa, fala sobre proposta de readequação da meta fiscal para 2016 (Wilson Dias/Agência Brasil)Nelson Barbosa

Um acordo entre os membros da Comissão Especial do Impeachment do Senado inverteu a ordem das oitivas da sessão desta sexta-feira (17), que começou por volta das 10h30. Com a mudança, o ex-ministro da Fazenda e do Planejamento, Nelson Barbosa, será o primeiro a ser ouvido em defesa da presidente afastada Dilma Rousseff.

Barbosa seria o terceiro de cinco depoentes e, chegando pontualmente à sessão, não encontrou nenhum senador na sala. Parecendo estar deslocado, aguardou cerca de meia hora até que outros parlamentares chegaram e os trabalhos tiveram inicio.

Além do economista, também serão ouvidos José Henrique Paim Fernandes, ex-ministro da Educação, Zarak de Oliveira Ferreira, da Secretaria de Orçamento Federal, Antonio José Chatack Carmelo, analista de planejamento do Ministério do Planejamento e Georgimar Martiniano de Sousa, especialista da Secretaria de Orçamento Federal.