Operação Voltando em Paz resgata 701 brasileiros de guerra entre Israel e Hamas

Governo também pretende resgatar cerca de 20 brasileiros que se encontram na Faixa de Gaza

  • Por Jovem Pan
  • 13/10/2023 09h52 - Atualizado em 14/10/2023 10h15
EVARISTO SA / AFP Brasileiros chegam do Israel Primeiros brasileiros resgatados de Israel chegam ao Brasil

A Operação Voltando em Paz, do Governo Federal, já resgatou 701 brasileiros da guerra entre Israel e o grupo terrorista Hamas. Os primeiros 211 desembarcaram num voo da FAB (Força Aérea Brasileira) que aterrissou na quarta-feira, 11, na Base Aérea de Brasília. Outros 214 chegaram na quinta-feira, 12, no Aeroporto do Galeão, no Rio de Janeiro. Já o terceiro avião da FAB com mais 69 brasileiros repatriados da zona de conflito no Oriente Médio pousou às 6h07 desta sexta-feira, 13, no aeroporto de Recife, onde cinco passageiros desembarcaram, e seguiu como destino final o Aeroporto de Guarulhos, em São Paulo. Com 207 passageiros, dois cachorros e dois gatos, o quarto voo chegou ao Brasil na madrugada deste sábado, 14. O desembarque ocorreu no Aeroporto do Galeão, no Rio de Janeiro.

O embaixador do Brasil em Israel, Fred Meyer afirmou nesta sexta que toda a equipe dele está mobilizada 24 horas para garantir que todos os brasileiros que tenham interesse em voltar sejam transportados de volta para o Brasil. “Esse já é o quarto voo. Mais de 700 pessoas já foram evacuadas. A previsão do Itamaraty são 15 voos. Todos os que quiserem sair, sairão. Essa é a ordem do presidente Lula”, afirmou Meyer no comunicado do governo.

Outras duas aeronaves enviadas pelo Brasil continuam na mesma missão. Em uma delas, o governo pretende resgatar cerca de 20 brasileiros que se encontram na Faixa de Gaza. Segundo a FAB, o acionamento foi feito em caráter de urgência. O voo partiu às 16h30 desta quinta-feira, da Base Aérea de Brasília, com previsão de chegada em Roma, na Itália, às 6h (horário de Brasília), desta sexta-feira,13, onde aguarda autorização para ir ao Egito. A intenção é que os brasileiros saiam da Faixa de Gaza até a fronteira do Egito em um ônibus contratado pela Embaixada do Brasil, utilizando a passagem de Rafah. O conflito entre Israel e Hamas, que chegou ao sétimo dia, já deixou mais de 2.800 mortos e cerca de 340 mil refugiados internos na Faixa de Gaza.

Comentários

Conteúdo para assinantes. Assine JP Premium.