Paciente é internado com suspeita de dengue hemorrágica em Valinhos (SP)

  • Por Estadão Conteúdo
  • 01/02/2018 12h53
Venilton Kuchler/ANPr Venilton Kuchler/ANP Morador do bairro Parque das Colinas, ele está internado na Santa Casa de Valinhos e seu estado é considerado grave

Um homem de 47 anos está internado com suspeita de dengue hemorrágica, a forma mais severa da doença, em Valinhos, cidade do interior de São Paulo. O paciente apresentou alterações na coagulação sanguínea, um dos principais sintomas da enfermidade.

Morador do bairro Parque das Colinas, ele está internado na Santa Casa de Valinhos e seu estado é considerado grave. Nesta quarta-feira, 31, a Vigilância Epidemiológica fez coleta de sangue e encaminhou o material para análise no Instituto Adolfo Lutz. O resultado deve sair em até duas semanas.

A prefeitura intensificou o combate ao mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue e de outras doenças. Agentes estão indo de casa em casa para eliminar focos do mosquito. A cidade teve quatro casos confirmados de dengue em 2017, dois deles importados, quando os pacientes se contaminam em outras cidades. Mas ainda não havia registrado casos de dengue hemorrágica.

Em todo o Estado, em 2016, foram registrados 1.180 casos de dengue grave, dos quais 113 evoluíram para óbito, conforme dados do Ministério da Saúde. No ano passado, houve 17 casos de dengue grave, incluindo a forma hemorrágica, com cinco óbitos anotados.