Padre atropela homem suspeito de furto em casa paroquial e foge sem prestar socorro; veja vídeo

Caso ocorreu em Santa Cruz do Rio Pardo; diocese de Ourinhos diz estar apurando o caso, e padre Júlio Lancellotti critica

  • Por Jovem Pan
  • 09/05/2022 20h18
Reprodução / Twitter / @pejulio Carro avança em direção a pedestre que estava na calçada

Um homem que supostamente havia roubado uma casa paroquial foi atropelado propositalmente por um carro da paróquia de Santa Cruz do Rio Pardo, cidade que fica a 343km de São Paulo. De acordo com a Polícia Civil, o motorista do carro era um padre, que fugiu sem prestar socorro. O ocorrido foi flagrado por câmeras de segurança: o suspeito aparece correndo pela calçada, até que um carro branco surge e o atropela, arremessando-o para dentro de um imóvel; o veículo dá marcha a ré e some do campo de visão do aparelho. O suspeito teria arrombado uma janela e entrado na casa paroquial para roubá-la, e o padre teria flagrado o furto e passado a perseguir o autor. O religioso já prestou depoimento, enquanto o suposto ladrão está internado em estado grave na Santa Casa do município, e foi preso em flagrante. O caso está sendo investigado como tentativa de homicídio e omissão de socorro. Já a vítima do atropelamento será indiciada por furto. A Diocese de Ourinhos, responsável pela Paróquia afirmou que o caso está sendo apurado e medidas cabíveis serão tomadas. O Padre Júlio Lancellotti, que desenvolve trabalho com moradores de rua na capital paulista, criticou o colega religioso pela atitude.