Partido Novo suspende filiação de Ricardo Salles

  • Por Jovem Pan
  • 31/10/2019 17h15 - Atualizado em 01/11/2019 09h04
Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil Embora fosse filiado, o ministro não participava de nenhuma atividade partidária e nem exercia qualquer cargo dentro do partido

O Partido Novo informou na tarde desta quinta-feira (31) que suspendeu em caráter liminar a filiação do ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles. O pedido partiu do deputado estadual do Rio de Janeiro Chicão Bulhões.

Em nota, o partido informou que a resolução temporária é válida até o julgamento final da denúncia na Comissão de Ética. A decisão foi tomada com base no trecho do estatuto que permite essa suspensão provisória quando há “risco de dano grave e de difícil reparação à imagem e reputação do Novo”.

De acordo com o Novo, embora fosse filiado, o ministro não participava de nenhuma atividade partidária e nem exercia qualquer cargo dentro do partido.

Confira a nota na íntegra:

“O Novo informa que a Comissão Nacional de Ética Partidária, no exercício de suas atribuições, conforme determina o Estatuto do Novo nos artigos 19 e 72, inciso V, suspendeu, em caráter limitar, a filiação do Sr. Ricardo de Aquino Salles, conforme previsto no 2º, alínea “b” do art. 21 do Estatuto, até o julgamento final da denúncia apresentada perante a Comissão.”