Paulistanos já deixam a capital para festas de fim de ano

  • Por Jovem Pan
  • 21/12/2019 06h00
Marcelo Camargo/Agência BrasilPaulistanos se preparam para as viagens de fim de ano

O fluxo de pessoas nas rodoviárias, estradas e aeroportos de São Paulo, principalmente em direção ao litoral e ao interior, já está mais intenso desde esta sexta-feira (20), quando começa o recesso de fim de ano.

Os terminais rodoviários Jabaquara, Barra Funda e Tietê têm expectativa de receber mais de 1,037 milhão de passageiros entre sexta-feira (20) e quinta-feira (26). As cidades mais procuradas são as do interior e litoral de São Paulo, Rio de Janeiro, Angra dos Reis, Belo Horizonte, sul de Minas, Curitiba e Florianópolis. Até segunda-feira (23), serão mais de 3.220 ônibus extras.

Segunda a Socicam, administradora dos terminais, os usuários devem ficar atentos à documentação e a bagagens. É essencial que todos os passageiros, até mesmo as crianças, apresentem documento de identificação original e com foto. A partir dos 16 anos de idade, o passageiro pode viajar totalmente desacompanhado. Já os menores de 16 anos precisam de autorização para viajar.

Nos ônibus é permitido que o passageiro carregue bagagem de até 30 quilos (kg) no bagageiro e de até 5 kg à mão. A identificação das bagagens com etiqueta é recomendável.

Aeroportos

Estimativas da concessionária GRU Airport, que administra o Aeroporto Internacional de São Paulo, em Guarulhos, apontam que a movimentação de passageiros e quantidade de pousos e decolagens começou a aumentar em 12 de dezembro. Desde esse dia, a expectativa média é de cerca 140 mil passageiros chegando ou partindo no aeroporto, em comparação à média diária de 120 mil pessoas nos períodos normais. Além disso, são esperados 900 pousos e decolagens por dia, em contraposição às cerca de 820 operações diárias na baixa temporada.

A movimentação atípica em função das festas de fim de ano e férias deve seguir até o final de fevereiro de 2020. Em dezembro, os dias mais agitados nos terminais do aeroporto internacional devem ser de 17 a 20 de dezembro e logo após o Natal, nos dias 26 e 27 de dezembro.

Já o Aeroporto de Congonhas, na zona sul da capital, deve receber 1,56 milhão de passageiros entre 16 de dezembro e 5 de janeiro de 2020. Segundo a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero), que administra o terminal, o número representa crescimento de 15% em relação aos 1,3 milhão de viajantes contabilizados de 17 de dezembro de 2018 a 6 de janeiro deste ano. Durante a alta temporada, o terminal paulistano também deve receber 10.419 aeronaves, 223 operações a mais que no mesmo período do ano anterior.

Estradas

A Agência de Transporte do Estado de São Paulo (Artesp) espera que o fluxo nas rodovias paulistas aumente entre as 12h e as 21h de hoje e que o pico da movimentação aconteça entre 6h e 18h de sábado (21). A estimativa é de que mais de 2,5 milhões de veículos deixem a Grande São Paulo com destino ao interior e litoral paulista.

Também nessa sexta-feira tem início nas principais rodovias paulistas a Operação Verão + Seguro 2019/2020, para minimizar os impactos do intenso fluxo de veículos que ocorre nessa época do ano. Até fevereiro, quando a operação será encerrada, as concessionárias de rodovias intensificam o monitoramento das pistas, assim como a operação e os serviços de atendimento médico e mecânico para acompanhar o aumento do tráfego.

*Com Agência Brasil