PF deflagra operação para investigar esquema de crimes eleitorais no Rio de Janeiro

Suposto esquema teria acontecido no último pleito realizado em Niterói, Maricá e São Gonçalo

  • Por Jovem Pan
  • 02/02/2021 08h15
Agência Brasil/ArquivoSe as suspeitas forem confirmadas, os investigados vão responder por corrupção eleitoral e outros delitos

A Polícia Federal, em cooperação com a Promotoria Eleitoral do Ministério Público do Rio de Janeiro, deflagrou a Operação $ufrágio para investigar um suposto esquema de crimes eleitorais no último pleito realizado em Niterói, Maricá e São Gonçalo. Cerca de 25 policias cumprem seis mandados de busca e apreensão nas regiões. A operação, cujo nome faz referência à indevida tentativa de desestabilização do processo democrático eleitoral pela compra de votos, acontece em desdobramento de uma prisão em flagrante de quatro pessoas no segundo turno das eleições municipais de 2020. Na época, foram apreendidos dinheiro em espécie, latas de cerveja e material de campanha de candidato que não chegou a ser eleito. Todo o material apreendido na ação desta terça-feira, 2, será analisado. Se as suspeitas forem confirmadas, os investigados vão responder por corrupção eleitoral e outros delitos que venham a ser constatados na investigação.