PF deve colher depoimento de filha de Temer na próxima quinta-feira

  • Por Jovem Pan
  • 27/04/2018 15h54
EFE/ Joédson AlvesEncontro deve acontecer no Aeroporto de Congonhas, localizado na Zona Sul de São Paulo

Na próxima quinta-feira, dia 3 de maio, a Polícia Federal deverá ouvir Maristela Temer, filha do presidente Michel Temer, sobre uma reforma realizada em sua casa e que teria sido paga pelo ex-coronel da Polícia Militar João Batista Lima Filho. A informação é do blog da jornalista Andréia Sadi, da Globo News.

O encontro, que já foi notificado aos advogados de Maristela pelas autoridades, deve acontecer no Aeroporto de Congonhas, localizado na Zona Sul da cidade de São Paulo.

Lima Filho é amigo de Temer e foi um dos presos na Operação Skala, que investiga se o presidente, por meio de decreto, beneficiou empresas do setor portuário em troca de recebimento de propina, além de ter sido citado na delação da JBS.