PF inicia ação contra criminosos que transportavam mercadorias ilegais no PR

Ao todo, 60 agentes cumprem quinze mandados de busca e apreensão e dez de prisão preventiva nas cidades de Foz do Iguaçu, Céu Azul e Santa Terezinha do Itaipu

  • Por Jovem Pan
  • 16/04/2019 10h07
Estadão ConteúdoA Polícia Federal deflagrou nesta terça-feira (16) uma operação, batizada de Saúva, contra cinco grupos criminosos que atuam no transporte de mercadoria ilegais em Foz do Iguaçu, no Paraná

A Polícia Federal (PF) deflagrou nesta terça-feira (16) uma operação, batizada de Saúva, contra cinco grupos criminosos que atuam no transporte de mercadoria ilegais em Foz do Iguaçu, no Paraná. Ao todo, 60 policiais federais cumprem quinze mandados de busca e apreensão e dez de prisão preventiva nas cidades de Foz do Iguaçu, Céu Azul e Santa Terezinha do Itaipu.

Segundo as investigações, que começaram em 2017, os grupos atuavam tanto de forma independente quanto de forma conjunta para transportar mercadorias contrabandeadas, principalmente eletrônicos e cigarros. Foi identificado também que um dos núcleos investigados mantinha uma central de monitoramento, com câmeras de vigilância, instaladas em frente a um posto fiscal da Polícia Rodoviária Federal (PRF). As imagens eram fornecidas para que criminosos do próprio grupo e de outras organizações criminosas driblassem a fiscalização daquele local.

Os outros núcleos atuavam com veículos furtados ou roubados, com placas falsas, adquiridos no mercado negro.

De acordo com a PF, essa operação tem como objetivo, principalmente, reunir informações sobre a prática dos crimes de descaminho, contrabando, associação criminosa e tráfico de drogas, bem como de eventual do crime de lavagem de dinheiro.