Policial militar morre em troca de tiros com Exército no Rio de Janeiro

  • Por Jovem Pan
  • 14/11/2018 09h33 - Atualizado em 14/11/2018 09h35
Tomaz Silva - Agência BrasilOperação conjunta destacou 3 mil agentes do Exército, PM e PC para fazer revistas, cumprir mandados de prisão e apreensão

Na manhã desta quarta-feira (14), um polícia militar da Baixada Fluminense, no Rio de Janeiro, morreu ao trocar tiros com militares que participavam de uma ação na região.

Segundo informações do Comando Conjunto que coordenava a operação, o policial tentou furar com o carro dois bloqueios do exército e a troca de tiros teve início. Após ser atingido, ele perdeu o controle e bateu o veículo contra um segundo carro onde estava um civil, que também acabou pego no fogo cruzado e foi baleado na perna. Ele foi socorrido e levado para o Hospital da Posse, em Nova Iguaçu, não há informações sobre o seu estado de saúde.

No carro do policial, os militares encontraram uma pistola com registro da polícia militar e acionaram a perícia criminal, praxe em situações envolvendo morte.

O bloqueio que o PM tentou furar era parte da ação conjunta do Exército, Polícia Civil e Policia Militar. Cerca de três mil agentes foram destacados para a ação que tinha como objetivo fazer revistas, apreensões e cumprir mandados de prisão.

*com informações de Estadão Conteúdo