Políticos e autoridades se manifestam após morte do ministro do STF

  • Por Jovem Pan
  • 19/01/2017 19h59
FOTO: Wilson Dias/ABr Teori Zavascki é oficialmente empossado como novo ministro do Supremo Tribunal Federal

A morte do ministro do STF Teori Zavascki na tarde desta quinta-feira (19), em um acidente de avião, no Rio de Janeiro, chocou diversos nomes da política e justiça brasileira. O magistrado era o relator do processo da Operação Lava Jato no Supremo. Confira abaixo as declarações sobre o falecimento do ministro.

Sérgio Moro

“Tive notícias do falecimento do ministro Teori Zavascki em acidente aéreo. Estou perplexo. Minhas condolências à família. O ministro Teori Zavascki foi um grande magistrado e um herói brasileiro. Exemplo para todos os juízes, promotores e advogados deste País. Sem ele, não teria havido Operação Lava Jato. Espero que seu legado de serenidade, seriedade e firmeza na aplicação da lei, independente dos interesses envolvidos, ainda que poderosos, não seja esquecido”, afirmou o juiz.

Lula

“O Brasil perdeu hoje um cidadão que honrou a magistratura em todos os postos que ocupou. Minha solidariedade à família do ministro Teori Zavascki e aos membros do STF”, afirmou o ex-presidente.

Dilma Rousseff

“É com imenso pesar que recebo a notícia da trágica morte do ministro Teori Zavascki Hoje perdemos um grande brasileiro”, afirmou. Dilma lembrou que o ministro foi indicado por ela para a vaga no Supremo e destacou que ele “desempenhou esta função com destemor, como um homem sério e íntegro.” “Como juiz e cidadão, Teori se consagrou como um intelectual do Direito, zeloso das leis e da Justiça. Tive o privilégio de indicá-lo para ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), com ampla aprovação do Senado”, afirmou a petista.

Eliseu Padilha

“Teori Zavascki, um dos mais brilhantes ministros do STF, morreu. Os brasileiros perdem um exemplar cidadão e um Magistrado qualificadíssimo”, escreveu o ministro do governo Michel Temer. “Com grande tristeza recebi a confirmação da morte do brilhante Ministro Teori Zavascki. Todos nós perdemos um laureado e justo Magistrado”, acrescentou.

Renan Calheiros

“Em nome do Congresso Nacional, manifesto minhas condolências à família e rogo pelo rápido esclarecimento das causas desse trágico acidente”, afirmou Renan em nota de pesar. 

Rodrigo Maia

“Sob grande impacto e consternação recebi a informação da morte do ministro Teori Zavascky. O ministro engrandeceu o Supremo Tribunal Federal com uma postura firme, discreta e justa. Neste momento, em nome da Câmara dos Deputados, dirijo meus pensamentos e orações aos familiares e aos milhares de brasileiros que compartilham o sentimento de grande tristeza”, afirmou Maia em nota oficial.

Rodrigo Janot (Procurador-geral da República)

“É inegável e inquestionável a grande contribuição que o ministro Teori Zavascki deu ao Estado Democrático de Direito Brasileiro a partir da sua atuação como magistrado”, escreveu o procurador-geral. Segundo Janot, Teori “honrou o papel de magistrado ao atuar de forma ética, honrada, isenta, discreta e extremamente técnica durante toda a sua carreira”. 

André Moura (líder do governo na Câmara)

“É com consternação que recebo a notícia da morte do ilustre ministro do Supremo Tribunal Federal Teori Zavascki, em acidente aéreo na tarde desta quinta-feira (19). O País perde um dos seus melhores e mais dedicados servidores públicos, cuja atuação muito dignificava o Judiciário e os brasileiros. Gostaria de me solidarizar com sua família, amigos e colegas de trabalho”, escreveu.

Deputada Jandira Feghali (PCdoB-RJ)

“O que é ruim, diante de um quadro em que a nossa democracia já está gravemente ferida. Que a investigação seja o mais breve possível e a causa devidamente apurada”, escreveu