Motorista de Porsche suspeito de atropelar e matar idosa se entrega à polícia em São Paulo

  • Por Jovem Pan
  • 30/07/2019 15h41
Divulgação/Polícia Civil O veículo de modelo Porsche Panamera envolvido no atropelamento

Fabio Alonso de Carvalho, suspeito de atropelar e matar uma idosa na Rua Augusta, região central de São Paulo, apresentou-se à polícia nesta segunda-feira (29). Ele é o proprietário do veículo de modelo Porsche Panamera, envolvido no atropelamento.

Audenilce Bernardina dos Santos, de 65 anos, foi atropelada na manhã da última sexta (26). No mesmo dia, o veículo foi apreendido e encaminhado para perícia, e a Polícia Civil pediu a prisão temporária de Carvalho.

Motorista já foi condenado por outro atropelamento

O mesmo motorista se envolveu, enquanto dirigia um veículo Ford Mustang, em 2014, num acidente em que atropelou e matou um motoboy no Itaim Bibi.

O sistema de processos do Tribunal de Justiça do Estado mostra que Carvalho foi julgado e condenado, no dia 10 de maio deste ano, à pena de dois anos e oito meses de detenção em regime semiaberto. A punição incluía ainda a proibição de se obter a permissão ou habilitação para dirigir veículo pelo mesmo prazo.

Os dados do processo mostram que o primeiro atropelamento aconteceu às 6h15 do dia 8 de agosto de 2014 na Avenida Presidente Juscelino Kubitschek. Ele foi denunciado por homicídio culposo, e a vítima foi Aroldo Pereira de Oliveira. Naquela oportunidade, deixou o local sem prestar socorro.

A acusação mostrava que Carvalho havia avançado o sinal vermelho quando colidiu com a motocicleta de Oliveira. O Ministério Público defendeu que o acidente aconteceu por imprudência do acusado. A pena foi convertida em prestação de serviços comunitários e pagamento de multa no valor de 20 salários mínimos. Ele recorre em liberdade.

*Com Estadão Conteúdo