Prefeitura de São Paulo comemora neste domingo o Dia Mundial sem Carro

Ações sobre segurança dos pedestres, ciclistas e motoristas acontecem até o dia 25 de setembro

  • Por Jovem Pan
  • 22/09/2019 11h15
Funcionários da secretária estadual do Ambiente participam da inauguração de um bicicletário na sede do órgão e de ato em comemoração ao Dia Mundial sem Carro (Tânia Rêgo/Agência Brasil)

Para celebrar o Dia Mundial Sem Carro, comemorado neste domingo (22), a prefeitura de São Paulo está promovendo a Semana da Mobilidade 2019, com ações de conscientização voltadas à segurança e à convivência saudável entre os diversos modais no trânsito da cidade. O evento continua até o dia 25 de setembro.

O tema deste ano da Semana da Mobilidade tem foco no pedestre. Entre as ações programadas estão, por exemplo, esquetes teatrais e cenários interativos nos terminais de ônibus com debates e exibição de filmes em escolas. Estruturas também foram montadas próximas às ciclovias para auxiliar ciclistas na manutenção e revisão de suas bicicletas.

Como parte da programação, foi lançada também uma cartilha que traz orientações sobre o transporte seguro de animais de estimação nos diferentes modais tais como ônibus, trem, metrô, táxi, carros de aplicativos e bicicleta.

Ainda neste domingo (220 haverá a Caminhada de Idosos pela Avenida Paulista. Na Praça do Ciclista, será colocado em prática o projeto Pedalar Além do Olhar, onde pessoas com deficiência visual ou baixa visão vão ter à disposição bicicletas especiais para o passeio, que será acompanhado por guias.

Nesta segunda-feira (23) ocorrerá a Ação Motociclista Seguro, quando motociclistas que estiverem na Marginal Tietê serão parados em uma blitz e convidados a assistir a uma palestra, de 15 minutos, ministrada por um policial e agente de trânsito que vão instruí-los sobre pilotagem segura, velocidade, frenagem, utilização de EPIs (capacete, jaqueta e bolsas) de forma correta, entre outros.

A ação ocorre no Centro de Estudos e Desenvolvimento de Educação para a Mobilidade (CEMOB), na Zona Leste, próximo ao metrô Carrão. A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) também instalou faixas informativas em alguns pontos da capital chamando a atenção para acidentes com vítimas nesses locais.

*Com informações da Agência Brasil