Prefeitura lança site para cadastramento de imóveis onde creches possam ser instaladas

Objetivo é criar um “banco de imóveis” para que a administração municipal possa oferecer vagas em bairros distantes do centro

  • Por Nicole Fusco
  • 22/11/2019 11h19
Sergio Amaral/MDSO objetivo da prefeitura é lançar, até o fim da gestão - ou seja, do ano que vem - 35 mil vagas em creches

A prefeitura de São Paulo lançou um site para que a população cadastre imóveis que possam servir como creches. O empreendimento será alugado pela administração municipal, que pode eventualmente comprá-lo.

Segundo o secretário municipal de Educação, Bruno Caetano, a maior dificuldade para a pasta é localizar imóveis em bairros mais afastados da cidade e que estejam a, no máximo, 1,5 quilômetro da residência da criança ou do trabalho de seus pais. “Hoje a grande dificuldade para universalizar o acesso de crianças de zero a três anos no ensino infantil, nas creches, é a ausência de imóveis nas regiões de demanda”, disse ele.

“Por isso nós estamos convidando a cidade de São Paulo inteira – proprietários de imóveis, corretores e imobiliárias – quem puder ajudar a secretaria a encontrar imóveis aptos pra que a gente faça o aluguel e eventualmente até a aquisição desses prédios, desses imóveis para a instalação de novas creches”, completou.

No site, que pode ser acessado aqui, os paulistanos poderão, além de inscrever os imóveis, também verificar quais são os requisitos mínimos que os imóveis deverão ter, como ser de alvenaria, ser bem ventilado, que receba iluminação natural e banheiros com possibilidade de serem adaptados para fraldário ou vasos infantis.

O objetivo da prefeitura é lançar, até o fim da gestão – ou seja, do ano que vem – 35 mil vagas em creches.