Presidente do STJ nega habeas corpus a Lula

  • Por Jovem Pan
  • 10/07/2018 19h37 - Atualizado em 10/07/2018 19h45
Agência CâmaraPresidente do STJ, ministra Laurita Vaz, afirmou que a decisão de Rogério Favreto foi "inusitada e teratológica"

A presidente do STJ, ministra Laurita Vaz, negou nesta terça-feira um habeas corpus ao ex-presidente Lula e afirmou que não era atribuição de um juiz plantonista mandar soltar o petista.

O habeas corpus analisado pela ministra foi pedido por um advogado de São Paulo contra a decisão de domingo do presidente do TRF-4, Thompson Flores, de manter Lula preso.

Desde domingo, o STJ recebeu 146 pedidos de habeas corpus formulados por pessoas que não integram a defesa oficial do petista, conforme informou a assessoria da corte.

Nesta terça, Laurita afirmou que a decisão de Rogério Favreto foi “inusitada e teratológica”, e em flagrante desrespeito a decisões já tomadas pelo tribunal regional, pelo STJ e pelo plenário do Supremo.

No 3 em 1 de hoje, dia 10, Vitor Brown mediou um debate sobre o tema entre Vera Magalhães e Marcelo Madureira.

Vera destacou o pito que Laurita deu em Favreto. Segundo ela, a ministra “deu uma aula do que é hierarquia e do que é respeito a decisões colegiadas”. Já Madureira falou sobre os discursos radicalizados, principalmente dos petistas, que estariam atrapalhando a recuperação do país.