Procon-SP divulga Ranking 2017 de empresas e setores mais reclamados

  • Por Jovem Pan
  • 28/03/2018 15h55
Reprodução/FacebookVivo/Telefônica recebe multa milionária por cobranças indevidas a clientes

A Fundação Procon-SP, órgão vinculado à Secretaria de Justiça e da Defesa da Cidadania de São Paulo, divulgou nesta quarta-feira (28) o Ranking 2017 de empresas e setores mais reclamados por consumidores. Na liderança, aparece o Grupo Pão de Açúcar (Casas Bahia, Extra e Ponto Frio), com um total de 4.722 registros, seguido pelo Grupo Vivo/Telefonica, com 4.081 reclamações.

O Ranking Estadual é formado pelos 50 fornecedores (empresas ou grupo de empresas) que mais geraram reclamações fundamentadas, ou seja, demandas de consumidores que não foram solucionadas em um primeiro atendimento e geraram a abertura de processos administrativos.

Ao todo, foram registrados 709.424 atendimentos entre consultas, orientações, carta de informações preliminares e reclamações no ano de 2017. Destes, 54.780 geraram reclamações fundamentadas. Além disso, foram divulgados os índices de soluções, que servem como parâmetro para os consumidores conhecerem os fornecedores mais reclamados e como eles atendem as demandas de seus clientes.

Destaques negativos

Líder do Ranking, o Grupo Pão de Açúcar ocupava a segunda posição em 2016 e teve um número expressivo de reclamações simples, quando não conseguiu sequer cumprir a obrigação de entregar corretamente os produtos vendidos aos consumidores. Já a Vivo/Telefonica voltou a liderar o segmento de telecomunicações, deixando o Grupo Claro/NET/Embratel na terceira posição.

Já no segmento de bancos, o Banco do Brasil foi outro que despontou negativamente. Além do aumento do número de reclamações, o BB teve índice de solução dessas demandas de apenas 34%, uma nítida piora no comparativo com o ano anterior.

Por fim, na análise das cidades do interior de São Paulo, um dos grupos que causou mais impacto foi o Anhanguera/Unopar (Kroton). Ocupando a 32ª posição na capital, o grupo somou 417 registros de reclamações no interior, o que lhe rendeu a 21ª posição no Ranking, a mesma ocupada em 2016.

Veja a lista das dez empresas mais reclamadas em 2017:

1º Grupo Pão de Açúcar (Extra/Ponto Frio/Casas Bahia) – 4.722 reclamações
2º Grupo Vivo/Telefônica – 4.081 reclamações
3º Grupo Claro/NET/Embratel (América Móvil) – 3.008 reclamações
4º Tim Celular S/A – 1.759 reclamações
5º Grupo Bradesco – 1.537 reclamações
6º Eletropaulo – 1.295 reclamações
7º Grupo Itau Unibanco – 1.111 reclamações
8º Grupo SKY – 1.004 reclamações
9º Grupo OI – 905 reclamações
10º Grupo B2W/Lojas Americanas/Submarino/Shoptime/Sou Barato – 883 reclamações