Raquel Dodge recorre da decisão de Fux sobre fim do auxílio-moradia a membros do MP

  • Por Jovem Pan
  • 30/11/2018 16h31
FÁTIMA MEIRA/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDOPara a procuradora-geral da República, o ministro Luiz Fux deveria devolver benefício a membros dos Ministérios Públicos e do Conselho Nacional do Ministério Público

A Procuradora-geral da República, Raquel Dodge, recorreu da decisão do ministro do STF, Luiz Fux, de acabar com o auxílio-moradia para membros do Ministério Público. Para a procuradora, a decisão deveria se restringir a juízes.

Ela pede que o ministro devolva o benefício para funcionários do Ministério Público Federal e dos Ministérios Públicos estaduais, além de membros do Conselho Nacional do Ministério Público.

Dodge não se posicionou sobre a polêmica que envolve a pauta. Em sua decisão, o ministro da Suprema Corte deixou aberto a possibilidade de regulamentação de casos eventuais de recebimento do auxílio no Conselho Nacional de Justiça e Conselho Nacional do Ministério Público.

*informações do Estadão Conteúdo