Relator da Previdência diz que não vai ler parecer da reforma nesta terça-feira (18) na comissão

  • Por Jovem Pan com Estadão Conteúdo
  • 18/04/2017 09h48
Brasília - O deputado Arthur Maia fala sobre a reforma da previdência social (José Cruz/Agência Brasil)Deputado Arthur Maia - ABR

O relator da Reforma da Previdência na Câmara, deputado Arthur Maia (PPS-BA), informou na manhã desta terça-feira (18), por meio de sua assessoria de imprensa, que não vai ler seu parecer hoje na comissão especial que analisa a matéria na Casa. O presidente do colegiado, Carlos Marun (PMDB-MS), informou que o relatório será lido na quarta-feira (19), às 9h. 

Maia e Marun decidiram adiar a leitura porque alguns pontos do parecer ainda não estão fechados. O principal imbróglio é sobre a idade mínima para aposentadoria das mulheres. A bancada feminina da Câmara, composta por 55 deputadas, tenta fechar acordo para fixar a idade em 62 anos, menor do que os 65 anos previstos para os homens.