Relatório sobre auditoria nas eleições de 2014 será apresentado na quinta

  • Por Jovem Pan com Agência Câmara
  • 27/11/2017 15h35
Nelson Jr./ ASICS/ TSEA audiência em comissão na Câmara também vai discutir a nova lei que determina a obrigatoriedade do voto impresso nas eleições de 2018

A Comissão de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática da Câmara reúne-se nesta quinta-feira (30), a partir das 9h30, para apresentação do relatório da auditoria especial no sistema eleitoral 2014 realizada pelo Comitê Multidisciplinar Independente e pelo Instituto Brasileiro de Peritos.

A pedido do deputado Izalci Lucas (PSDB-DF), serão ouvidos o auditor do comitê Amílcar Brunazo Filho (que participou da elaboração do relatório) e o coordenador de Sistemas Eleitorais do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) José de Melo Cruz.

“O relatório final aponta uma série de dificuldades e barreiras impostas pelo TSE aos técnicos que realizaram a auditoria”, afirma Izalci.

Voto impresso

A audiência também vai discutir a Lei 13.165/15, que determina a obrigatoriedade do voto impresso nas eleições de 2018. Izalci lembra que diversos membros do TSE, entre os quais o presidente do tribunal, Ministro Gilmar Mendes, têm dito que a impressão dos votos não será feita por questões de ordem financeira.

Assim sendo, o deputado espera que a audiência dê aos parlamentares “subsídios para que elaborem sobre a necessidade de atuarem preventivamente no sentido de garantir nas próximas eleições gerais o cumprimento integral da Lei que determinou a impressão dos votos na totalidade das urnas do País”.