Rocinha tem madrugada sem ocorrências e moradores voltam às ruas

  • Por Jovem Pan com Estadão Conteúdo
  • 24/09/2017 08h52
MARCOS ARCOVERDE/ESTADÃO CONTEÚDOApesar da aparente tranquilidade, a situação ainda está longe de se normalizar. O policiamento é intenso na região e patrulhas da PM e do Exército circulam pela região

A madrugada deste domingo na Rocinha não teve registro de tiros segundo moradores, policiais e soldados das Forças Armadas que fazem cerco à favela da zona sul do Rio. No início da manhã, a movimentação de pessoas é intensa na entrada da favela. Bares e lanchonetes estão abertos e funcionários da Comlurb fazem o recolhimento de lixo nas ruas normalmente.

Apesar da aparente tranquilidade, a situação ainda está longe de se normalizar. O policiamento é intenso na região e patrulhas da PM e do Exército circulam pela região. Pelo menos um veículo blindado ajuda na segurança no interior da favela.

A polícia militar e civil não informaram nenhuma troca de tiros na madrugada de sábado para domingo, diferente do que aconteceu durante a noite anterior, que terminou com nove criminosos presos, além da apreensão de 18 fuzis e três mortes. Vítima de bala perdida, um adolescente também morreu neste sábado.