Secretário de Estado dos EUA e Bolsonaro devem conversar sobre Venezuela, Nicarágua e Cuba

  • Por Jovem Pan
  • 30/12/2018 12h15
Agência EFESecretário de Estado dos EUA fará maratona de visitas a chefes de Estado para discutir a situação política de países da América do Sul e Central

Mike Pompeo, secretário de Estado dos EUA, chega no Brasil nesta segunda-feira (31) e deve assistir a posse do presidente eleito, Jair Bolsonaro. O secretário vai aproveitar a ocasião para discutir a situação política na Venezuela, Nicarágua e Cuba.

Em nota, o governo estadunidense explica que trabalhará junto com o Brasil “para apoiar os povos da Venezuela, Cuba e Nicarágua que lutam para viver em liberdade contra regimes repressivos”. Além disso, o texto ressalta o alinhamento político entre o governo de Trump e do militar reformado, “nós acolhemos o compromisso do presidente eleito Bolsonaro de erguer-se contra tiranos”, diz o comunicado.

O ministro de Relações Exteriores, Ernesto Araújo – que assume o cargo no dia 2 de janeiro – também participará da reunião com o objetivo de discutir a “prosperidade, segurança, educação e democracia” dos vizinhos sul-americanos e da América Central.

Outros encontros

Além dos Brasil, Pompeo também visitará a Colômbia, onde se encontrará com o presidente Ivan Duque para estudar o combate as drogas e discutir a crise política e econômica venezuelana.

O presidente do Peru, Martin Vizcarra, e o primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, também receberão visitas do emissário estadunidense. O objetivo? Criar laços e levar o resultado da conversa com Bolsonaro para os líderes regionais.

*com informações da Agência Brasil