SP: Cinco pessoas são presas por manter homem em cativeiro em Mongaguá

Suspeitos fizeram contato com a família exigindo 80 mil dólares pelo resgate da vítima

  • Por Jovem Pan
  • 26/07/2020 09h09 - Atualizado em 26/07/2020 09h10
DivulgaçãoSituação ficou a cargo das equipes da 1ª Delegacia da Divisão Antissequestro (DAS)

A Polícia Civil, por meio do Departamento de Operações Policiais Estratégicas (Dope), prendeu, neste sábado, 25, cinco criminosos responsáveis pelo sequestro e cárcere privado de um homem de 33 anos. A vítima foi localizada em um cativeiro no litoral paulista. O homem foi levado no dia 21, por volta das 18 horas, pelos sequestradores. Em seguida, os suspeitos mantiveram contato com a família exigindo 80 mil dólares pelo resgate da vítima. A situação foi comunicada à Polícia Civil dois dias depois, e ficou a cargo das equipes da 1ª Delegacia da Divisão Antissequestro (DAS).

O trabalho investigativo realizado pelos agentes incluiu um estudo das ligações e dos dados dos telefones, possibilitando a identificação de dois autores e a verificação do seu deslocamento para o Estado da Bahia. Com isso, foram solicitadas as prisões temporárias dos criminosos, o que foi acatada pela Justiça. Os mandados de prisão foram cumpridos com apoio do Grupo de Operações Especiais (GOE), da Polícia Civil da Bahia, na cidade Feira de Santana. Com as capturas, foi possível deter outro envolvido na cidade de São Paulo e, na sequência, prender outros dois em Mongaguá, no litoral. Estes últimos foram localizados fazendo a vigia do cativeiro onde a vítima era mantida. O homem sequestrado foi resgatado ileso.