TCU mantém Nardes na relatoria das contas de Dilma e julgamento prossegue

  • Por Agência Estado
  • 07/10/2015 18h24
O ministro do Tribunal de Contas da União (TCU) Augusto Nardes

Contra a vontade do governo, o Tribunal de Contas da União (TCU) decidiu, por unanimidade, que vai manter o ministro Augusto Nardes na relatoria do processo que julga as contas da presidente Dilma Rousseff em 2014. O governo pedia que o relator fosse afastado porque teria antecipado o voto ao emitir opinião sobre o caso em entrevistas.

O relator do pedido, ministro Raimundo Carreiro, sustentou que não há procedência nas alegações do governo. “Nada, absolutamente nada, há nas declarações do ministro Nardes que configura alguma novidade ou juízo de valor”, declarou. Segundo ele, Nardes não antecipou votos, apenas reproduziu avaliações já feitas anteriormente pelo tribunal.

Durante a análise preliminar de suspeição, Nardes se retirou do plenário. Com a decisão, ele retornou à sala, onde fará a leitura do relatório, prosseguindo com a sessão.