Tragédia em Petrópolis já causou 181 mortes; previsão é de mais chuvas nesta segunda

Segundo a Polícia Civil, há registros de 126 pessoas que ainda estão desaparecidas

  • Por Jovem Pan
  • 21/02/2022 08h25 - Atualizado em 21/02/2022 19h39
SAULO ANGELO/THENEWS2/ESTADÃO CONTEÚDO Tragédia Petrópolis Ao todo, mais de mil ocorrências já foram registradas no município desde a semana passada,

O número de mortos das fortes chuvas que atingiram a cidade de Petrópolis, no Rio de Janeiro, chegou a 181 na noite desta segunda-feira, 21, segundo informações do Corpo de Bombeiros. O boletim mais recente foi divulgado por volta das 19h15. De acordo com a prefeitura municipal, 165 corpos já foram identificados e 154 liberados para a funerária. Dos corpos identificados, a maioria são de mulheres (110) e ao menos 32 são de menores de idade. Ao todo, 126 pessoas ainda estão desaparecidas, informou a Polícia Civil. As operações de buscas e resgates continuam nesta segunda, com foco para atendimento a moradores em áreas de risco, resgate a vítimas e recuperação das vidas. Ao todo, mais de 1.300 ocorrências já foram registradas no município desde a semana passada, sendo pelo menos 1.163 delas de deslizamentos de terra. A previsão é de temporais para a região, com céu nublado e pancadas de chuvas ao longo no período da manhã e trovoadas na tarde e noite. “Chuva entre 30 e 60 mm/h ou 50 e 100 mm/dia, ventos intensos (60-100 km/h). Risco de corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores, alagamentos e de descargas elétricas”, diz o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet).