Uso de máscara será obrigatório no estado de SP a partir do dia 7

  • Por Jovem Pan
  • 04/05/2020 13h02 - Atualizado em 04/05/2020 14h30
Wilker Mattos/Estadão ConteúdoJoão Doria também anunciou o investimento de R$ 300 milhões do Fundo Municipal de Saneamento no combate ao coronavírus

O governador do estado de São Paulo, João Doria, anunciou nesta segunda-feira (4) que o uso de máscaras de proteção será obrigatório em todos os 645 municípios a partir da próxima quinta-feira, dia 7. O decreto será publicado no Diário Oficial da terça (5).

De acordo com Doria, a medida vale para “todos os cidadãos que estiverem caminhando, andando ou se locomovendo” no estado de São Paulo. A regulamentação sobre eventuais punições serão de responsabilidade das Prefeituras.

Doria lembrou que entrou em vigor nesta segunda o decreto que torna o equipamento obrigatório nos transportes públicos como CPTM, Metro e EMTU e de aplicativo. “Agora estendemos isso a toda população com objetivo de proteger os brasileiros.”

Segundo o governador, a taxa de isolamento no domingo (3) no estado ficou em 59%. Na cidade de São Paulo esse índice foi de 58%.

Fundo de saneamento

João Doria também anunciou o investimento de R$ 300 milhões do Fundo Municipal de Saneamento no combate ao coronavírus. Segundo ele, os rendimentos da Sabesp eram obtidos a partir da exploração dos serviços de abastecimento de água e esgoto na cidade.

Antes o montante seria destinado a obras de saneamento e infraestrutura. Porém, dada a prioridade, os recursos serão redirecionados de forma integral para a saúde pública.

Comitê empresarial solidário

O governador também anunciou que aconteceu nesta manhã a 7ª reunião do comitê empresarial solidário, que conta com 362 empresas. De acordo com ele,o resultado foram mais R$ 77,7 milhões em dinheiro, produtos e serviços.

No total já foi arrecadado R$ 577,7 milhões para ser utilizado no atendimento da saúde, social e segurança pública.