Vereador de Palmas (TO) diz ser ‘a favor de pedofilia’ durante votação de projeto sobre abuso sexual

  • Por Jovem Pan
  • 22/11/2018 11h20
Reprodução/TwitterApós o ocorrido, em entrevista à TV Anhanguera, porém, ele justificou que fez uma fala equivocada

“Eu sou é a favor da pedofilia”. A fala foi feita por um parlamentar durante uma reunião da Comissão de Constituição e Justiça da Câmara de Vereadores de Palmas, no Tocantins, e causou polêmica.

O grupo de vereadores estava votando a criação da Semana de Combate à Violência e Abuso Sexual contra Crianças e Adolescentes, mas em uma pausa dos microfones é possível escutar o parlamentar proferir a frase.

O vereador em questão é Lúcio Campelo (PR). Após o ocorrido, em entrevista à TV Anhanguera, porém, ele justificou que fez uma fala equivocada. “Eu quis antecipar meu voto e fiz a fala errada. Assumo que fiz a fala errada. Quero pedir minhas escusas à sociedade palmense porque isso não é do meu caráter e do meu comportamento (…) De fato, houve uma fala equivocada. Se tiver preço a gente tem que assumir e pagar”.

Os parlamentares que estavam na sessão não se manifestaram sobre a fala do colega. Apesar da fala, o projeto que institui a semana de combate à violência e abuso sexual contra crianças e adolescentes foi aprovado por unanimidade.