Vereadores de SP aprovam proibição de canudos de plástico na cidade

  • Por Jovem Pan
  • 28/02/2019 14h26 - Atualizado em 28/02/2019 15h04
PixabayMulta para quem distribuir canudinhos será de R$ 1 mil

O projeto de lei que proíbe o fornecimento de canudos de plástico em São Paulo foi aprovado pela Câmara Municipal da cidade na tarde da última quarta-feira, 27. De autoria do vereador Refinaldo Tripoli (PV), o PL será votado mais uma vez na segunda semana de março. Se for aprovado novamente, segue para sanção do prefeito Bruno Covas.

Caso a lei seja sancionada, o fornecimento de canudos de plástico será proibido em todos os estabelecimentos da capital paulista, incluindo hotéis, restaurantes, bares, padarias, clubes noturnos, salões de dança e eventos musicais de qualquer espécie. Serão permitidos apenas canudos de papel reciclável, material comestível ou biodegradável, embalados individualmente em envelopes hermeticamente fechados feitos do mesmo material.

Os estabelecimentos que descumprirem a norma serão advertidos e se repetirem a infração estarão sujeitos a multa de R$ 1 mil. A multa dobra de acordo com o número de autuações, até a sexta autuação, que prevê multa de R$ 8mil, e fechamento do estabelecimento.

*Com informações do Estadão Conteúdo