Calor de sexta-feira bateu recorde em duas capitais brasileiras

  • Por Jovem Pan
  • 17/10/2015 15h36

Termômetros na avenida Paulista Marcelo D. Sants/Frame/Folhapress Termômetros de São Paulo e do Rio de Janeiro devem superar os 30º C a partir deste domingo, 18

O calor desta sexta-feira já é recorde em duas capitais brasileiras. Belo Horizonte e Rio de Janeiro tiveram neste 16 de outubro um dos dias mais quentes do século.

A primavera chegou com tudo para mineiros e cariocas. Na capital de Minas, a temperatura de 37, 4ºC foi a maior a ser registrada nos últimos 105 anos. E pior. A umidade relativa do ar caiu para 12%, se equiparando aos índices registrados no Deserto do Saara que ficam entre 10% e 15%.

Na Cidade Maravilhosa, os termômetros marcaram à tarde 42,8 graus, a terceira maior temperatura dos últimos 100 anos. O recorde absoluto é de 2012: 43,2 graus.

Curiosamente, o Rio teve os dias mais quentes de 2015 seguidos. Na quinta-feira, a máxima chegou aos 42, 1 graus.

Já São Paulo teve o segundo dia mais quente do ano com 35,7 graus. Mas entre duas e três da tarde, a temperatura caiu 8 graus com a entrada de uma frente fria.

Em todo o sudeste, o calorão vai diminuir com inclusive previsão de chuva fraca. Na segunda-feira, de acordo com os meteorologistas, o tempo voltará a esquentar.

Com informações do repórter Victor LaRegina