Canadá afirma que manterá sanções contra o Irã plenamente em vigor

  • Por Agencia EFE
  • 20/01/2014 16h46

Jerusalém, 20 jan (EFE).- O primeiro-ministro canadense, Stephen Harper, afirmou nesta segunda-feira que seu país manterá plenamente as sanções contra o Irã apesar de nesta segunda-feira ter entrado em vigor o acordo alcançado entre Teerã e as potências internacionais do Grupo 5+1.

“Se nossos desejos não se tornarem realidade, ou se o acordo for efêmero, o Canadá será uma voz potente para que as sanções sejam renovadas”, disse Harper em discurso perante o Parlamento israelense (Knesset).

A União Europeia (UE) aprovou hoje a suspesão de algumas das sanções econômicas impostas ao Irã depois que a AIEA assegurou que Teerã cumpriu com a primeira parte do acordo alcançado em Genebra, e os EUA aprovaram, além disso, o início de “um modesto alívio” de suas sanções contra Teerã. EFE