Casa Branca é fechada temporariamente após forte barulho

  • Por Agencia EFE
  • 07/03/2015 15h10

O Serviço Secreto dos Estados Unidos fechou momentaneamente a Casa Branca neste sábado (7) devido a um forte barulho do qual foi descartada a possibilidade de se tratar de uma ameaça à segurança do presidente Barack Obama e sua família, que estavam prestes a viajar rumo ao estado do Alabama, onde participarão de um ato comemorativo.

O incidente atrasou em 50 minutos a viagem de Obama, sua esposa Michelle, e suas filhas, Sasha e Malia, à cidade de Selma, para comemorar o 50º aniversário da lendária passeata pelos direitos dos negros ao voto.

Os jornalistas que acompanham o presidente foram levados à sala de imprensa, e o serviço secreto decretou um “fechamento preventivo” da residência enquanto averiguava a origem do estrondo. O agente Brian Leary afirmou ao jornal “The Hill” que uma banca de comida de rua em uma das ruas divisórias à Casa Branca sofreu um pequeno incêndio que “já foi contido”.

O agente informou além disso que uma unidade de polícia detectou também nesta manhã um veículo “suspeito” entre as ruas 16 e a avenida Constitution que “está sendo investigado”.

Após a reabertura da Casa Branca, Obama e sua família foram à base militar de Andrews para embarcar no Air Force One rumo à base da Força Aérea de Montgomery (Alabama).