Centenas de refugiados partem desde Budapeste para a Alemanha em trens

  • Por Agencia EFE
  • 08/09/2015 12h40

Budapeste, 8 set (EFE).- Centenas de refugiados deixam nesta terça-feira a estação Keleti de Budapeste em trens que partem a cada duas horas para a fronteira ocidental do país.

Frente ao caos na estação nas últimas semanas, hoje os refugiados estavam bem organizados, fazendo filas para subir em grupos às plataformas e depois aos trens, segundo pôde presenciar a Agência Efe.

Os voluntários do grupo Migration Aid, organizado na rede social Facebook, ajudam na comunicação entre os imigrantes e os policiais deixam passar os grupos somente em função dos lugares livres em cada trem.

Uma voluntária, Reka Kovacs explicou à Efe pouco antes da partida do “Railjet” das 11h10 local (6h10, em Brasília) rumo a Munique, ao qual puderam subir 150 refugiados, que nesta tarde haverá quatro trens diretos entre Budapeste e Munique, e outros seis até Viena.

Como explicou Kovacs, as autoridades em nenhum ponto da viagem controlam os documentos dos refugiados “nem na fronteira e nem na Áustria ou Alemanha”.

As autoridades húngaras interceptaram hoje 2.706 refugiados na fronteira com a Sérvia e espera-se que nos próximos dias este número aumente, perante os milhares que chegaram recentemente à Macedônia e Sérvia. EFE