Cerca de 1 milhão de pessoas tomaram vacina da gripe

  • Por Jovem Pan
  • 11/05/2015 08h10
Os pais devem ficar atentos ao prazo para a segunda dose da vacinação

Quase um milhão de pessoas foram vacinadas contra a gripe no estado de São Paulo na última semana, mas a secretaria estadual da Saúde quer imunizar 11,8 milhões. Apenas na capital paulista, foram aplicadas 225 mil doses durante o período.

A vice-presidente da Sociedade Brasileira de Infectologia, Thaís Guimarães, explica a Patrícia Rizzo que a imunização nesta época do ano é importante porque o vírus circula mais. “A influenza é muito mais prevalente nos meses do inverno porque as pessoas tendem a ficar em ambientes mais fechados”, aponta.

Thaís classifica como mentira a afirmação de algumas pessoas que dizem pegar a gripe após tomar a vacina e ressalta que reações leves acontecem apenas em pequena parcela dos imunizados e são um sinal de que o corpo está produzindo anticorpos necessários.

A vacinação contra a gripe no estado de São Paulo segue até o próximo dia 22 de maio, devendo ser imunizados idosos a partir dos 60 anos e gestantes. Também têm prioridade crianças com idade entre seis meses e cinco anos, indígenas, doentes crônicos, presos e funcionários do sistema carcerário.

Outras doenças

Outra preocupação relacionada à saúde nesse período é a dengue: uma em cada quatro cidades no Estado de São Paulo apresenta quadro epidêmico.

A febre chikungunya também pede atenção e tem os sintomas similares aos da dengue, alerta o infectologista Jean Gorinchteyn, do Hospital Emílio Ribas. “Difere da dengue especialmente por causa das dores articulares. A chikungunya tem também a dor no corpo e a febre, porém a dor nas articulações é extremamente importante”, especifica.