Cerca de 8 mil sem-teto reivindicam em São Paulo serviços básicos

  • Por Agencia EFE
  • 22/01/2014 17h46

São Paulo, 22 jan (EFE).- Cerca de 8 mil pessoas do Movimento dos Trabalhadores Sem-Teto (MTST) foram às ruas de São Paulo nesta quarta-feira para reivindicar serviços básicos nas novas regiões ocupadas.

Os manifestantes se dirigiram ao Palácio dos Bandeirantes onde um grupo de representantes do movimento se reuniu com o secretário da Habitação, Silvio Torres, e com o secretário de Estado, Edson Aparecido, para expor às reivindicações.

Entre os pedidos do grupo também se encontra um aumento dos recursos regionais para realizar projetos financiados pelo plano programa “Minha Casa Minha Vida”.

O MTST é o responsável pela organização da conhecida popularmente como favela “Nova Palestina”, onde cerca de 8.000 famílias formam este acampamento ilegal, na Zona Sul de São Paulo. EFE