Chega a 60 o número de mortos pelo coronavírus na Arábia Saudita

  • Por Agencia EFE
  • 16/02/2014 06h02 - Atualizado em 19/03/2020 15h38

Riad, 16 fev (EFE) – Um jovem saudita de 22 anos contagiado pelo coronavírus morreu na Arábia Saudita, onde já faleceram 60 pessoas infectadas por este vírus, informou neste domingo (16) o Ministério da Saúde em comunicado.

Segundo a nota, o jovem sofria de câncer e representa o caso de número 145 das pessoas contagiadas no país pelo coronavírus, cujos primeiros sintomas são febre e tosse, que se agravam até causar uma pneumonia.

O primeiro caso da Síndrome Respiratória Coronavírus do Oriente Médio (MERS-CoV) na Arábia Saudita foi detectado em setembro de 2012.

O Governo saudita informou que a maioria dos infectados sofre de doenças crônicas que debilitam seu sistema imunológico e os torna mais vulneráveis.

Os coronavírus constituem uma família viral que pode causar doenças nos seres humanos que vão desde o resfriado comum até a Síndrome Respiratória Aguda Severa, conhecida como Sars.