Chinês derruba casa do sogro com escavadeira após discussão familiar

  • Por Agencia EFE
  • 18/05/2015 08h04

Pequim, 18 mai (EFE).- Um jovem chinês de 26 anos destruiu com uma escavadeira a casa de seu sogro por causa de uma disputa familiar, num momento em que o pai se sua mulher e outras 11 pessoas, entre elas dois filhos do próprio agressor, estavam no interior, embora todos tenham conseguido deixar o local, informou nesta segunda-feira o jornal “Qianjiang Evening News”.

De acordo com o periódico, o fato ocorreu na noite de sábado na cidade de Henghe, na província oriental de Zhejiang, onde o jovem, de sobrenome Pan, discutiu com o sogro, de sobrenome Li.

Operador de escavadeiras há um mês em obras da cidade, Pan decidiu tomar medidas drásticas contra a família da esposa e se dirigiu com o veículo de trabalho à casa do sogro, que assistia televisão com 11 familiares, entre eles cinco crianças. O genro só interrompeu a demolição quando um dos pneus furou.

Pan e sua mulher tinham iniciado uma relação anos atrás, mas ele ainda não tinha estado com a família dela até o ano passado, de acordo com o jornal, que mostra várias imagens da casa demolida.

Aparentemente, o casal estava cogitando divorciar-se, embora o marido tenha se arrependido da ideia. Ele estava tentando convencer a mulher a voltar a viver com ele, algo com que o sogro não concordava. EFE