Clínica em Londres revela, por erro, 780 nomes de pacientes com Aids

  • Por Agencia EFE
  • 02/09/2015 12h20

Londres, 2 set (EFE).- Uma clínica de Londres revelou por erro um boletim informativo, na terça-feira, com os nomes e e-mails de 780 pacientes diagnosticados com o vírus HIV, informou nesta quarta-feira o jornal britânico “The Guardian”.

A clínica 56 Dean Street, no bairro londrino de Soho, que enviou o boletim a quase 800 pacientes, pediu desculpas e anunciou que abriu uma investigação para esclarecer o ocorrido, já que trata-se de uma “violação da privacidade”.

O boletim foi enviado a aproximadamente 800 pacientes que estavam inscritos na opção E do serviço, que permite receber os resultados das análises através do e-mail.

“Me ponho em contato com os senhores para me desculpar. É um correio que costumamos enviar de forma individual e desta vez fizemos em grupo. Assim que vimos o erro, corrigimos. Se ainda estiver com você, por favor, elimine-o”, escreveu o doutor Alan McOwan, do Serviço de Saúde Britânico, em uma carta aos afetados.

“É totalmente inaceitável. Estamos investigando como isso ocorreu e prometo que tomarei as medidas necessárias para que não volte a acontecer”, garantiu.

Por sua vez, um porta-voz da clínica sustentou que o vazamento ocorreu por “erro humano” e que a pessoa responsável estava “consternada”.

A agência de proteção de dados britânica, ICO, que pode chegar a multar com até 500 mil libras (680 mil euros) o vazamento de dados, indicou que foi informada sobre o incidente e que abrirá uma investigação. EFE