Combate a incêndio na Espanha mobiliza 500 pessoas e 26 aeronaves

  • Por Agencia EFE
  • 05/07/2015 11h44

Zaragoza, 5 jul (EFE).- Cerca de 500 pessoas e 26 meios aéreos trabalham neste domingo na extinção em um incêndio declarado ontem na província de Zaragoza, no nordeste da Espanha, que continua descontrolado que deixou 1.500 desalojados em quatro municípios da comarca das Cinco Villas.

Fontes do governo do Aragão informaram que os trabalhos ao longo da noite e nesta manhã se centraram na proteção das cidades atingidas pela proximidade do fogo e na contenção do perímetro do incêndio.

No começo da manhã o fogo estava concentrado em dois pontos, todos eles ativos. Um deles afeta uma densa massa florestal, em seu maior parte de pinheiros.

Segundo o conselheiro autônomo do Meio Ambiente do governo do Aragão, Modesto Lobón, 7.800 hectares de um perímetro de 14 mil já queimaram.

Ontem 1.500 pessoas e 26 residentes de dois asilos foram desalojados, mas os moradores das localidades de Farasdués e de Biota já estão voltando para suas casas.

As altas temperaturas do verão na Espanha afetam hoje, domingo, 32 províncias de 11 comunidades autônomas, com especial incidência no nordeste, centro e sul do país, informou a Agência Estadual de Meteorologia (Aemet).

Em Aragão está em vigor o alerta laranja nas províncias de Huesca, Teruel e Zaragoza, onde as temperaturas oscilam entre 39 e 41 graus. EFE