Conservadores iniciam processo de escolha do sucessor de Cameron

  • Por Estadão Conteúdo
  • 05/07/2016 11h07
Parlamento Reino Unido

A corrida para liderar o Partido Conservador e se tornar o próximo primeiro-ministro do Reino Unido inicia, nesta terça-feira (5), sua primeira fase, quando parlamentares da legenda realizam uma primeira votação para eliminar um dos cinco candidatos que se disponibilizaram ao posto.

A secretária do Interior Theresa May, que apoiou Cameron na campanha pela permanência na União Europeia, é vista como uma das favoritas. Outro candidato de destaque é Andrea Leadsom, a ministra de Energia. Andrea fez campanha pelo Brexit e recebeu o apoio do ex-prefeito de Londres, Boris Johnson, mas é vista como politicamente menos experiente que May. Também concorrem Stephen Crabb, secretário do Trabalho e Pensões, o ex-ministro da Defesa, Liam Fox, e o secretário de Justiça Michael Gove.

Após essa primeira rodada, os parlamentares conservadores irão repetir o processo, mais uma vez, na próxima quinta-feira (5), e novamente na próxima terça (12), quando a lista ficará reduzida a dois nomes. A votação, então, será aberta aos cerca de 150 mil membros do partido, que deverão escolher o próximo líder até 9 de setembro deste ano.

Todos os candidatos prometeram seguir o resultado do referendo do mês passado e inibir a imigração. Ao menos duas pesquisas de opinião sugerem que Theresa May e Andrea Leadson são as candidatas mais populares.