Corintianos são presos por agressão a palmeirense na Zona Leste de SP

  • Por Jovem Pan
  • 02/06/2015 08h01

Oito integrantes da Torcida Camisa 12 Futura Press/Folhapress Corintianos presos São Paulo agressão

Polícia prende oito corintianos após agredirem um torcedor do Palmeiras na Zona Leste de São Paulo. A agressão aconteceu nesta segunda-feira (01) na Estação Belém da linha 3-Vermelha do Metrô.

O grupo aproveitou que a composição parou na estação Belém e jogou o homem que estava trajado com um agasalho do Palmeiras para fora do vagão.

Os Corintianos roubaram o moletom da vítima, que foi socorrida pelos funcionários do Metrô e encaminhada para a delegacia, onde prestou queixa. Horas mais tarde, os agressores foram detido pela polícia e encaminhados para o Delpom.

Após o registro da ocorrência, foi identificado que quatro dos oito agressores estavam envolvidos na depredação do Parque São Jorge, na manhã de segunda-feira. Eles trajavam roupas da facção Camisa 12, torcida organizada.

As informações são do repórter Jovem Pan Gabriel Medina. Ouça também a entrevista dada pelo delegado Nico Gonçalves, a Izilda Alves e Franco Neto, sobre os casos de violência no futebol no áudio acima.

O delegado Nico Gonçalves, diretor de Departamento de Capturas e Delegacias Especializadas (Decade), comentou o caso: “Aquela pessoa que não tem nada para fazer, que nem aqueles oito que estão aqui e estiveram a tarde inteira no Parque São Sorge”, disse. “Quer dizer, o pessoal não trabalha? Não vai pegar um apito de fábrica, nada? Que que é isso! Vão lá encher o pessoal que está trabalhando no (clube do) Corinthians e, depois, ainda sai dessa manifestação que eles fizeram à tarde e vem aqui praticar roubo na estação Bresser do metrô. (Eles) têm que ir para a cadeia mesmo”.