Desabrigados de Barcelona se tornam guias turísticos

  • Por Thiago Navarro/Jovem Pan
  • 23/09/2014 14h38

Mendigos passam por treinamentos de 60 a 80 horas antes de começarem a trabalhar pelas bem conhecidas calçadas de Barcelona

Moradores de rua recebem emprego de guias turísticos em Barcelona

“Quem melhor para apresentar as ruas de Barcelona que alguém que viveu nessas mesmas ruas?”, pergunta o site da Hidden City Tours (tradução: Tours da Cidade Escondida), companhia que emprega moradores de rua da cidade catalã para serem guias turísticos.

Quarta cidade mais visitada por turistas na Europa (atrás apenas de Londres, Paris e Istambul) com 8 milhões de turistas/ano, Barcelona tem tido um aumento rápido do número de desabrigados em meio a suas ruas e catedrais góticas – há entre 3 mil e 6 mil pessoas dormindo nas vias urbanas.

Os guias são acolhidos por uma instituição de caridade e depois orientados pela Hidden City Tours, em treinamentos de 60 a 80 horas, liderados pela fundadora Lisa Grace e a historiadora local Natalia Baque. Há inclusive um ex-morador especialista em tour gastronômico (veja abaixo).

“Eles têm um incrível conhecimento da cidade”, diz a empresa, que faz questão de se denominar um “empreendimento social”, não uma “caridade”. Ela promete levar os visitantes a “areas não tão turísticas para mostrar as histórias secretas escondidas de Barcelona”.

Os passeios

A Hidden City se diz especialista em atender pequenos grupos de turistas e garante que, quando o negócio crescer, vai contratar mais moradores de rua.

A instiutuição oferece ainda quatro tipos de tours para o turista interessado. A caminhada “clássica” dura duas horas (por €$ 14 euros) e passa por quarteirões góticos e do subúrbio catalão (raval).

Semelhante, a caminhada “gótica” cobre apenas o bairro gótico e dura apenas 1 hora (€$ 10) e é “ideal para visitantes de primeira viagem”. A caminhada “Raval” cobre apenas o bairro suburbano da capital catalã e custa o mesmo preço da gótica.

Já o tour “bouqueria” inclui bebida e parada para porções de “tapa”. Um guia especializado, Ramón, dá dicas de produtos locais e da época. Este passeio dura 1h30 e custa €$ 20 por pessoa.

Assista ao vídeo oficial da instituição abaixo: