Doenças respiratórias crescem 30% o atendimento em prontos-socorros

  • Por Jovem Pan
  • 22/07/2014 09h05

As doenças respiratórias aumentaram em 30% o atendimento em prontos-socorros e postos de saúde durante o inverno. Nesta época do ano, além do ar seco e o clima frio, há maior aglomeração em locais fechados, o que ajuda na transmissão de vírus.

Segundo o supervisor do Pronto-Socorro do Instituto Emílio Ribas, quem mais sofre com o frio são crianças, idosos, gestantes e doentes crônicos. Em entrevista à repórter Renata Gaspari, o infectologista Ralcyon Teixeira alertou que a gripe pode gerar complicações.

*Ouça os detalhes no áudio

Para os próximos dias, a previsão indica a chegada de uma nova frente fria ao Sul do país, que deve avançar para o Sudeste do no fim de semana. Falando a Simone Manocchio, o meteorologista Fabio Rocha, do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais, confirmou que o frio vai continuar.

Além da gripe, as doenças respiratórias mais frequentes no inverno são: asmas, bronquites, rinites, pneumonias e resfriados. Os problemas respiratórios podem ser atenuados com bons hábitos de higiene, como lavar as mãos, e ainda alimentação saudável e hidratação constante.