Dow Jones fecha em baixa de 1,92%

  • Por Agencia EFE
  • 28/09/2015 23h43

Nova York, 28 set (EFE).- O índice Dow Jones Industrial fechou em baixa de 1,92% nesta segunda-feira, enquanto o índice composto Nasdaq caiu 3,04% e o seletivo S&P 500 terminou o dia abaixo da marca de 1.900 pontos, algo que não ocorria desde agosto.

Ao final do pregão, o principal indicador da bolsa de Nova York caiu 312,78 pontos, para 16.001,89. Já o seletivo S&P 500 perdeu 2,57%, para 1.881,77. Já o índice composto da Nasdaq recuou 142,53 pontos, para 4.543,97.

Os três principais índices de Wall Street fecharam com perdas após uma sessão na qual voltou a se instalar a incerteza nos mercados pela desaceleração da economia da China e as dúvidas sobre as taxas de juros nos Estados Unidos.

O Dow Jones chegou a ficar abaixo da barreira psicológica dos 16.000 pontos, mas se recuperou nos últimos instantes das negociações.

Os lucros das principais indústrias chinesas caíram 8,8% em agosto, aprofundando assim a queda de 2,9% que já tinha sido registrada em julho, informou hoje o Escritório Nacional de Estatísticas (ONE).

Sobre as taxas de juros nos EUA, o presidente do Fed de Nova York, William Dudley, ressaltou que a economia está “se comportando bastante bem” e disse que a esperada alta do índice deve ocorrer “ainda neste ano” se a tendência for mantida.

Em sua reunião de setembro, o Fed decidiu adiar a alta de juros, atualmente entre 0% e 0,25% desde o final de 2009, diante da incerteza nos mercados financeiros internacionais e as dúvidas sobre a desaceleração da economia da China.

No contexto local, foi divulgado que o índice de vendas de imóveis usados nos EUA caiu 1,4% em agosto, ficando no nível mais baixo em cinco meses, conforme a Associação Nacional de Agentes Imobiliários.

A Visa (-4,84%) liderou as perdas no Dow Jones, seguida por Goldman Sachs (-3,65%), Pfizer (-3,36%), Unitedhealth (-3,15%), Dupont (-2,49%) e General Electric (-2,49%). Os únicos papéis que fecharam no território positivo foram os da Johnson & Johnson (0,31%).

Por sua vez, a Apple caiu 1,98% apesar de anunciar hoje que vendeu mais de 13 milhões dos novos modelos de iPhone – 6S e 6S Plus – durante o primeiro fim de semana de comercialização do smartphone, um novo recorde da companhia.

Em outros mercados, o ouro subia para US$ 1.131,2 a onça, enquanto a rentabilidade da dívida pública a dez anos recuava até 2,101%. EFE