Duplo atentado suicida do Boko Haram mata 3 pessoas no norte de Camarões

  • Por Agencia EFE
  • 20/09/2015 10h59

Nariobi, 20 set (EFE).- Um duplo atentado suicida atribuído a membros do grupo radical islamita Boko Haram na cidade de Mora, no extremo norte de Camarões, deixou pelo menos três mortos, informou neste domingo a imprensa local.

Entre as vítimas do ataque, que ocorreu no subúrbio do município por volta das 7h30 locais (3h30 em Brasília), está um policial que pretendia interrogar os terroristas suicidas e outras duas pessoas.

Na última quinta-feira, pelo menos dez pessoas foram assassinadas na cidade de Aissa Harde, a poucos quilômetros de Mora, após uma ofensiva noturna de milicianos do grupo radical islamita.

A cidade de Mora será a base da primeira divisão da força que luta contra o Boko Haram. A expectativa é que, quando ela estiver plenamente operacional, consiga conter a onda de ataques na região.

Nos últimos dois meses, o Boko Haram multiplicou os atentados na região do extremo norte de Camarões, que fica entre a Nigéria e Chade, e provocou a morte de mais de cem pessoas.

Segundo a Anistia Internacional, mais de 400 pessoas perderam a vida desde julho de 2014 em atentados organizados pelo Boko Haram em Camarões, o que provocou uma dura resposta das forças de segurança contra suspeitos de pertencerem ao grupo terrorista.

Desde o início de 2015, o Boko Haram matou mais de 2.400 pessoas na Nigéria, Chade, Camarões e Níger, apesar da crescente pressão militar dos países da região do Lago Chade. EFE