BC da Coreia do Sul corta juro básico para conter impacto econômico

  • Por Jovem Pan
  • 16/03/2020 07h40 - Atualizado em 16/03/2020 07h42
EFE/EPA/ROLEX DELA PENAAlém da Coreia do Sul, os Estados Unidos e o Japão também já adotaram medidas para conter a doença

O Banco Central da Coreia do Sul decidiu nesta segunda-feira (16) reduzir sua taxa básica de juros em 0,50%, para a mínima histórica de 0,75%, juntando-se a outros BCs no relaxamento da política monetária em reação ao impacto econômico do coronavírus.

O corte de juros do BoK – como é conhecido o BC sul-coreano – veio após a convocação de uma reunião emergencial. A medida segue o que já está sendo adotado por outros bancos no mundo.

Entre o sábado (14) e o domingo (15), os BCs dos EUA (Fed) e do Japão (BoJ) também anunciaram medidas extraordinárias, diante da propagação do coronavírus.

Em sua última reunião regular, em 26 de fevereiro, o BoK deixou seu juro básico inalterado, resistindo a pressões para reduzi-lo em meio aos efeitos da doença em sua economia.

Atualmente, a Coreia do Sul é um dos países mais afetados pelo novo coronavírus, com mais de 8 mil casos confirmados.

*Com informações do Estadão Conteúdo.