Denise Campos de Toledo avalia a equipe econômica de Bolsonaro: ‘Liberal e coesa’

  • Por Jovem Pan
  • 22/11/2018 18h29
WILTON JUNIOR/ESTADÃO CONTEÚDOIndicações têm sido feitas pelo futuro ministro da Economia, Paulo Guedes

O mercado financeiro tem recebido bem os nomes indicados para a equipe do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) e, mais especificamente, do futuro ministro da Economia, Paulo Guedes. Quem afirma é a comentarista da Jovem Pan Denise Campos de Toledo. Para ela, todos têm “postura liberal” e, juntos, formam uma equipe “coesa”.

“Eles dão a entender que devem assumir uma postura focada no ajuste de contas públicas e na redução do tamanho do Estado através de privatizações, concessões, estímulos à iniciativa privada e maior intercâmbio comercial”, explica Denise.

“Falta ainda a definição do programa econômico adotado, apresentado possivelmente no começo do próximo ano. Mas, pelo perfil, é exatamente isso que se pode esperar e exatamente o que mercado aguardava em termos de reestruturação da economia brasileira”, completa. “Agora é ver qual espaço político eles vão ter para levar adiante as propostas apresentadas. Vários deles não têm experiência em gestão pública – e já sabemos os grandes entraves que são colocados quando uma matéria chega no Congresso.”

Assista ao comentário completo:

Equipe econômica de Bolsonaro

Denise Campos de Toledo avalia a equipe econômica de Bolsonaro: 'Liberal e coesa'.

Publicado por Jovem Pan News em Quinta-feira, 22 de novembro de 2018