IPC-S fica em 0,40% na 2ª quadrissemana de agosto ante 0,41% na anterior, diz FGV

  • Por Estadão Conteúdo
  • 16/08/2017 08h35
Marcos Santos/ USP ImagensDas oito classes de despesas analisadas, cinco registraram decréscimo em suas taxas de variação de preços no período

O Índice de Preços ao Consumidor Semanal (IPC-S) desacelerou marginalmente de 0,41% na primeira quadrissemana de agosto para 0,40% na segunda leitura do mês, informou a Fundação Getulio Vargas (FGV) nesta quarta-feira (16).

Das oito classes de despesas analisadas, cinco registraram decréscimo em suas taxas de variação de preços no período: Habitação (0,87% para 0,65%), Alimentação (-0,14% para -0,28%), Vestuário (-0,39% para -0,49%), Comunicação (0,63% para 0,44%) e Educação, Leitura e Recreação (0,11% para 0,09%).

Em contrapartida, outros três grupos registraram aceleração entre a primeira quadrissemana de agosto e a segunda medição do mês: Transportes (1,00% para 1,55%), Despesas Diversas (0,08% para 0,14%) e Saúde e Cuidados Pessoais (0,33% para 0,35%).