Mesmo com alta de 0,66% no último pregão, dólar acumula queda de 3,16% em julho

  • Por Agência Brasil
  • 31/07/2018 17h51
Agência BrasilApesar da queda no mês, o dólar segue valorizado em 13,29% no acumulado do ano

O dólar fechou o pregão desta terça-feira (31) em alta de 0,66%, contado a R$ 3,7548 para venda, mantendo a tendência de valorização registrada na segunda-feira (30) de 0,33%. A moeda norte-americana fechou o mês de julho com uma queda de 3,16%, o que não ocorria desde janeiro, quando acabou o mês desvalorizada em 4,05%. Apesar da queda, o dólar segue valorizado em 13,29% no acumulado do ano.

O mercado financeiro também segue atento à política cambial do Banco Central, que indicou seguir com a rolagem de todo volume de swap cambial tradicional, equivalente a venda futura da moeda norte-americana.

O índice B3, da bolsa de valores de São Paulo, Ibovespa, fechou hoje em queda de 1,31%, com 79.220 pontos. No mês de julho, a B3 acumula uma valorização de 9%. A queda no último pregão do mês de julho sofreu influência dos papéis das empresas de grande porte, chamadas de blue chip, que registraram baixa, com Itau registrando menos 3,98%, Bradesco em queda de 2,28% e Petrobras fechando em menos 0,90%.