Por pandemia, CNI reduz em R$ 25 bilhões previsão de exportações em 2020

A confederação ainda prevê piora no déficit primário brasileiro. A projeção passou de -1,30% para -9,47%, segundo boletim divulgado nesta segunda-feira (11)

  • Por Jovem Pan
  • 11/05/2020 13h30
Tânia Rêgo/Agência BrasilCNI reduz previsão para exportações brasileiras em 2020

A pandemia do novo coronavírus deve resultar em uma queda de US$ 25 bilhões nas exportações brasileiras em 2020.

De acordo com projeção feita pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), o Brasil venderá ao exterior US$ 205 bilhões, ante expectativa de US$ 230 bilhões feita no fim de 2019.

A estimativa para o saldo comercial passou de US$ 38 bilhões para US$ 36 bilhões. A projeção é que as importações alcancem US$ 169 bilhões, ante US$ 192 bilhões projetado anteriormente.

Déficit

No Informe Conjuntural divulgado nesta segunda-feira (11), a confederação espera ainda uma piora significativa no déficit primário brasileiro.

A projeção passou de -1,30% para -9,47%. A expectativa para o resultado nominal foi de déficit de 6,40% para rombo de 15%. Com isso, aumentou a previsão para a relação dívida pública bruta/PIB, de 79,3% para 93,2%.

A entidade avalia que o governo precisa manter a busca pela redução da dívida e o equilíbrio fiscal para aumentar a confiança no País e atrair investimentos.

“Para sair da crise de forma sustentada, o País precisa, mais do que nunca, eliminar o custo Brasil, com uma reforma tributária que crie um sistema mais eficiente e menos complicado”, completa o presidente da CNI, Robson Braga de Andrade.

*Com informações do Estadão Conteúdo