Petrobras anuncia cortes na gasolina e no diesel a partir deste sábado

Valor médio nas refinarias passa para R$ 2,59 e R$ 2,71, respectivamente

  • Por Jovem Pan
  • 30/04/2021 12h04
Fernando Frazão/Agência BrasilMudança nos valores dos combustíveis está atrelada a variação do petróleo no mercado internacional e a oscilação do dólar

Petrobras anunciou novos cortes para a gasolina e o diesel aos distribuidores a partir deste sábado, 1º. O preço médio da gasolina nas refinarias passará a R$ 2,59 o litro, reajuste de R$ 0,05 — queda de 1,89%. Já o diesel será vendido a R$ 2,71, corte de R$ 0,06 por litro— reajuste de 2,16%. Com a nova mudança, o valor da gasolina acumula alta de 40,7% em 2021, enquanto o diesel aos distribuidores encareceu 34,1%. O setor de combustíveis se tornou o maior vilão da inflação em 2021 após a disparada do barril de petróleo no mercado internacional com a retomada das economias globais no primeiro trimestre, ao mesmo tempo que o real desvalorizou com a piora da pandemia do novo coronavírus e o aumento dos riscos político e fiscal. Desde o último reajuste, no dia 15 deste mês, o dólar arrefeceu e registra queda de 4,6%. Em nota, a Petrobras disse que os reajustes “buscam o equilíbrio com o mercado internacional”, e que são realizados “a qualquer tempo, sem periodicidade definida, de acordo com as condições de mercado e da análise do ambiente externo”.

A Petrobras também disse que o reajuste aos distribuidores não significa a alteração automática na bomba. “Como a legislação brasileira garante liberdade de preços no mercado de combustíveis e derivados, a mudança no preço final dependerá de repasses feitos por outros integrantes da cadeia de combustíveis. Até chegar ao consumidor são acrescidos tributos federais e estaduais, custos para aquisição e mistura obrigatória de biodiesel e etanol anidro, além das margens brutas das companhias distribuidoras e dos postos revendedores de combustíveis.”